PS CORAÇÃO DE JESUS

Julho 15 2009
O Partido Socialista, através de António Costa, que se recandidata à Presidência da Câmara Municipal de Lisboa e o Movimento "Cidadãos por Lisboa" (CPL) representada pela vereadora Helena Roseta chegaram a um acordo que permitirá que membnros deste movimento concorram integrados como independentes nas listas do PS à Assembleia e Câmara Municipal de Lisboa,.
 
Em recsultado do acordo conseguido, a vereadora Helena Roseta, eleita pelo movimento "Cidadãos por Lisboa", vai ser a número dois da lista do candidato socialista, António Costa.
 
O acordo alcançado para as próximas eleições autárquicas, foi anunciado em Conferência de Imprensa na tarde de quarta-feira, pelo actual presidente da Câmara de Lisboa e Helena Roseta..
 

Em caso de vitória da lista socialista, não será Helena Roseta a assumir a vice-presidência da autarquia. Se o PS vencer as eleições autárquicas na capitalnas eleições do próximo dia 11 de Outubro, será o vereador Manuel Salgado amanter-se como vice-presidente da autarquia.

 

"O vereador Manuel Salgado mantém-se como vice-presidente», afirmou António Costa, que realçou a importância do acordo, sublinhando: «Não basta ganhar as eleições. É preciso ter condições para executar um bom programa.» .

  

O acordo entre o Partido Socialista e os CPL será assinado na próxima semana e acordas que as listas sejam elaboradas com base nos resultados das eleições intercalares de 2007 para a Câmara Municipal. Recorde-se que o movimento que Helena Roseta encabeça conseguiu 10,2 por cento, elegendo dois vereadores.

 

«É preciso tornar bem claro que não voltámos ao PS. Vamos concorrer como independentes pertencentes aos CPL nas listas do Partido Socialista», afirmou Helena Roseta.

 

Se já se sabia que António Costa e o Partido Socialista teriam levado a cabo negociações com o PCP e com o Bloco de Esquerda no sentido de conseguir um movimento unitário que conglomerasse toda a esquerda contra a direita corporizada por Pedro Santana Lopes, ficou agora a saber-se que também Helena Roseta fez algumas diligências junto do Bloco de Esquerda e do Partido Comunista para conseguir uma coligação de partidos de esquerda nas eleições para a Câmara de Lisboa..

 

António Costa encabeça assim a lista do Partido Socialista às próximas eleições Autárquicas de Outubro para a Câmara Municipal de Lisboa integrando nas suas listas membros independentes dos movimentos "Lisboa é muita gente" de José Sá Fernandes e do Cidadãos por Lisboa" de Helena Roseta.

publicado por pscoracaodejesus09 às 19:24

Julho 15 2009

Ver imagem em tamanho real

 

 

 

 

 

 

Na freguesia de Coração de Jesus existem vários equipamentos de saúde. Há um com que toda a população, especialmente a mais idosa, se sente mais identificada. 

 

Falamos da Extensão do Centro de Saúde situado na Av. Duque de Loulé e que presta serviços inestimáveis aos fregueses de Coração de Jesus.

 

Fruto de uma reestruturação dos centros de saúde de Lisboa, esta extensão tem sido alvo nos últimos tempos de reduções de pessoal quer asistente quer médico e de valências.

 

A alternativa que se coloca à ausência de valências na extensão da Duque de Loulé é a vitisa ao Centro de Saúde situado na Ressano Garcia.

 

Centro de Saúde com algumas limitações, tem para os habitantes de Coração de Jesus, sobretudo os mais idosos e os mais carenciados, um grande inconveniente. É o dos acessos.

 

Sem transportes fáceis, que quase se resumem ao metropolitano para aqueles que não têm posses para se deslocarem de automóvel particular ou táxi, o Centro de Saúde da Ressano Garcia torna-se pouco atrativo e até desmobilizador para esta faixa étaria da população que, em Coração de Jesus, tem uma representatividade significativa.

 

A lista socialista que concorre às eleições autárquicas de 2009 para a Assembleia da Freguesia de Coração de Jesus, interpretando os sentimentos da população da sua freguesia assumem-se como defensores da manutenção da actual extensão do Centro de Saúde de Coração de Jesus.

 

O compromisso sempre assumido e aqui reafirmado, vai no entanto, mais longe.

 

Conhecidas que são as limitações físicas e pessoais da extensão do Centro de Saúde da Duque de Loulé - situada num primeiro e segundo andar de um prédio antigo sem elevador e com escadas pouco estáveis sobretudo para a população mais idosa, e com carências humanas quer a nível de enfermeiros quer a nível de médicos - a lista socialista assume também o compromisso de lutar não só pela manutenção da actual extensão do Centro de Saúde como também a lutar pela sua relocalização em instalações mais condignas e acessíveis a toda a população da freguesia e ao seu reapetrechamento.

 

É esse o nosso compromisso para o qual contaremos, estamos certos com o apoio da população e com as propostas e ideias de todos.

 

Compromisso que tentaremos levar à prática em colaboração com a Câmara Municipal de Lisboa de António Costa, com rigor e competência.

 

Podem contar connosco!

publicado por pscoracaodejesus09 às 11:51

Julho 15 2009

A vereadora Helena Roseta informou os seus apoiantes  que está a ponderar integrar a lista do PS à Câmara de Lisboa, uma decisão que contou com o apoio da maioria dos elementos presentes.   
  
Na terça-feira à noite, a vereadora reuniu-se com cerca de 50 dos seus  apoiantes, revelou Luísa Jacobety, porta-voz do movimento 'Cidadãos Por Lisboa' (CPL), pelo qual Helena Roseta foi eleita nas últimas autárquicas. 
  
A vereadora esteve a "ouvir opiniões" quanto à sua eventual integração  na lista do PS, liderada por António Costa.   
  
"A maior parte das opiniões eram a favor", afirmou Luisa Jacobety, lembrando  que "ficou provado pelo acordo firmado este mandato que os CPL não deixaram  de ser contra quando tinham que estar contra".  
  
A porta-voz dos CPL confirmou ainda que uma das hipóteses abordadas  na reunião foi a possibilidade de Helena Roseta ocupar o segundo lugar na  lista do PS.  
  
Este encontro contou com o antigo vereador Manuel João Ramos, inicialmente o número dois  do movimento nas últimas eleições autárquicas.   
  
Hoje, Rui Vieira Nery, um dos promotores do movimento CLAC (Cidadãos  Lisboetas Apoiam António Costa) que reúne figuras ligadas à cultura de Lisboa, defendeu uma convergência à esquerda.   
  
"Pelo menos" na plataforma "Cidadãos por Lisboa", de Helena Roseta, existem "fortes possibilidades" de existir ainda um "entendimento à esquerda"  com a candidatura de António Costa, afirmou o ex-secretário de Estado da  Cultura de António Guterres.  
  
O ex-governante, um dos apoiantes do "Apelo à Convergência de Esquerda  nas Eleições para Lisboa", movimento que procurou unir as candidaturas de esquerda à autarquia lisboeta, afirmou à agência Lusa que o PCP e o BE vivem  "na ilusão" dos resultados conquistados na eleição de Junho ao Parlamento Europeu, motivo pelo qual não retiraram as suas candidaturas à Câmara de  Lisboa, encabeçadas por Ruben de Carvalho e Luís Fazenda, respectivamente.

 

Sá Fernandes saúda eventual acordo com Helena Roseta

 

O vereador na Câmara de Lisboa José Sá Fernandes  saudou a eventual integração de Helena Roseta na lista do PS à autarquia  nas eleições autárquicas.  
  
"Se for esse o caso, acho muito bem", disse Sá Fernandes, sublinhando que o possível entendimento vai ao encontro da "convergência" que tem vindo  a reclamar.  
  
O vereador, que assinou um acordo com António Costa no âmbito do qual integrará a lista socialista à Câmara, acrescentou que "não há pessoas insubstituíveis mas todos podem dar bons contributos". 
  
"Há quatro anos que ando a apelar à união das pessoas. Quanto mais vierem  melhor", acrescentou.  
  
Questionado sobre a eventualidade de Helena Roseta vir a ocupar o número  dois da lista, Sá Fernandes afirmou  não "discutir lugares". 
  
"Não discuti o meu lugar, não vou discutir outros. O mais importante  são os programas", argumentou. 

 

Manuel Alegre faz  apelo para acordo entre Costa e Roseta


O ex-candidato presidencial Manuel Alegre fez um apelo para que seja celebrado um acordo político entre as candidaturas do PS de António Costa e a independente de Helena Roseta para a Câmara de  Lisboa.  
  

"Esse acordo é possível", declarou Manuel Alegre na sua intervenção  na sessão de apresentação do quarto número da revista "Ops!" (Opinião Socialista). 
  
"Assim como tenho defendido a quebra de tabus e de preconceitos e a construção de soluções de governabilidade à esquerda para o país, penso que essas soluções são também importantes para a cidade", disse Alegre,  numa referência à autarquia da capital.  
  
O ainda deputado socialista lembrou que foram feitos vários apelos "por personalidades" no sentido de que as forças de esquerda se unissem em Lisboa, mas "infelizmente as negociações entre as diferentes forças partidárias falharam".  
  
"Penso que há uma solução possível e há uma solução que é boa para o governo da cidade. Essa solução pode ser encontrada através de um acordo  entre a lista encabeçada por António Costa (PS) e o movimento de cidadãos  encabeçado por Helena Roseta", afirmou.  
  
Na sala da sessão, Helena Roseta estava presente a escutar as palavras  do ex-candidato presidencial.  
  
De acordo com Manuel Alegre, esse acordo político entre António Costa  e Helena Roseta "é possível, é desejado, é bom para o governo da cidade". 
  
"Se ele se concretizar - como espero - terá todo o meu apoio", declarou, recebendo uma prolongada salva de palmas da plateia presente na livraria Círculo das Letras. 

publicado por pscoracaodejesus09 às 11:09

Julho 15 2009

PSD chumba contrato de manutenção para espaços verdes da Avenida  da Liberdade

 

 O PSD inviabilizou terça-feira, na Assembleia Municipal  de Lisboa, a abertura de concurso para um contrato para a manutenção dos  espaços verdes da Avenida da Liberdade.  
  
A proposta do vereador dos Espaços Verdes, José Sá Fernandes, foi rejeitada com os votos contra do PSD (em maioria), PCP, CDS-PP, PEV e BE, e os votos  favoráveis do PS.  
  
O líder da bancada do PSD, Saldanha Serra, argumentou que a proposta dizia respeito a um contrato a entrar em vigor em Fevereiro, quando se encontrar  já em funções outro executivo municipal, saído das eleições autárquicas de 11 de Outubro.  
  
Sá Fernandes respondeu que, "com o chumbo, o concurso só pode ser lançado  em Outubro, o que implica que só em Junho exista um contrato de manutenção". 
  
"Quem ganhar a Câmara pode anular o concurso", sublinhou, referindo  que, por outro lado, com a aprovação da proposta, "ganha-se tempo" e que  "este concurso tem a vantagem de ser 100 mil euros mais barato que o anterior". 
  
Sá Fernandes afirmou ainda que, quarta-feira, entrarão ao serviço 50 novos jardineiros na Câmara, com contratos de trabalho temporário, ao abrigo  de um protocolo com o Ministério do Trabalho para a ocupação de desempregados. 
  
O vereador respondia desta forma às críticas do PCP e BE sobre a falta  de jardineiros nos quadros da autarquia e o recurso a empresas externas  para aqueles serviços.   

publicado por pscoracaodejesus09 às 08:06

RIGOR E COMPETÊNCIA
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

17
18

20
24
25

26
27
29


as minhas fotos
pesquisar
 
Eleitos socialistas para a Assembleia de Freguesia de Coração de Jesus
Eduardo Faria Caetano; Ermelinda Caetano; José Manuel dos Santos; Sónia Miranda.
Suplentes à Assembleia de Freguesia de Coração de Jesus pelo PS
Gustavo Seia; Maria Natércia Constâncio; Manuel Alçada Alves; Maria Teresa Silva; Hugo a Malcato; Manuela Brás Valente; Carlos Miranda; Luísa Sofio; José Bessa
Contacte connosco
coracaodejesus09@gmail.com
subscrever feeds
blogs SAPO